Apurinã Tarde no Museu do Amanhã

FaceBook  Twitter

 20170425 apurinat museuamanha 05
[Passe o mouse pela foto!]

O Apurinã se reuniu para fazer um texto coletivo contando como foi a experiência de visitar o Museu do Amanhã. Veja abaixo o texto das crianças e também algumas imagens.

Danielle Marques- Professora da turma
Ludmila Moraes- Estagiária

 

Passeio ao Museu do Amanhã

Nós, Apurinã Tarde, formos visitar o “Museu do Amanhã”. Chegando na Praça Mauá vimos o “Homem Folha”, que nos fez pensar como a natureza é viva e deve ser preservada.

Já dentro do museu, encontramos a nossa guia que se chamava Maria Clara. Foi ela quem nos conduziu pelo museu apresentando a exposição permanente e também respondeu várias perguntas.

Em nossa primeira atração, fomos a um espaço onde vimos um filme de 10 minutos que falava sobre a origem do planeta Terra, trazendo a reflexão do que somos e como fomos formados através de um ponto de vista científico. Essa sala era muito legal e nós tomamos alguns sustos durante o vídeo.

Depois, visitamos a sala do pensamento que falava das diferentes culturas e era composta por colunas de fotos e espelhos. Lá pudemos refletir sobre a situação em que o mundo está e como a forma de viver é diferente em cada lugar do mundo.

Visitamos também uma sala que falava sobre a VIDA. Vimos a situação em que se encontra a Baía de Guanabara e quanta poluição existe por lá. Conversamos sobre a sua despoluição e ficamos pensando: como poderíamos fazer para despoluí-la? Onde iremos jogar todo nosso lixo? Como mexeremos com as grandes empresas para que elas também cuidem da Baía?

Para finalizar nossa aula-passeio, visitamos o Antropoceno que questiona a nossa atitude diante do mundo. Esta sala é um lugar com vários telões que ficam mostrando dados atualizados sobre a poluição na Terra, a quantidade de mortalidade dos animais, quanto já desmatamos nossas florestas e, também, informações sobre a quantidade de pessoas sem acesso à água potável ou até mesmo com pouca comida.

Saímos do museu refletindo sobre como podemos ajudar na transformação do planeta e que devemos mudar nossas atitudes em relação ao que temos feito com o mundo. Também ficamos muito felizes por ter visitado um museu tão diferente.

Texto coletivo
Apurinã Tarde- 5º ano

 

Copyright (c) Oga Mitá 2015. All rights reserved.